Notícias

31/08/2017 23:02

Trabalhadores da Rede Municipal de VG cobram pagamento do RGA

Mesmo sob ameaça demissão e de corte de ponto , inclusive, tentativa de impedir o uso do caminhão de som, os trabalhadores da Rede Municipal de VG realizaram Ato Público na porta Prefeitura Municipal de Várzea Grande nesta quarta-feira, 30 de agosto, para cobrar da prefeita Lucimar Campos e do Secretário Silvio Fidélis.

O  secretário de organização sindical do   Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público subsede de Várzea Grande (Sintep/VG) e professor da Rede Municipal de Ensino, Juscelino Dias Moura,  aponta várias questões, mas a principalmente é o Revisão Geral Anual (RGA) de 11,36% referente ao ano de 2016 e 7,64% referente a 2017 concedido apenas aos professores e negados para os técnicos (Vigias, Merendeiras, ASG, TDEE, TDI); reenquadramento de mais de 95% dos trabalhadores que estão parados há mais de 7 anos; pagamento de retroativos; concurso público e outros direitos subtraídos.

“Ao negar recomposição e reenquadramento dos profissionais da educação, a Prefeitura vem economizando nas costas dos trabalhadores da Educação mais de 1,5 milhão de reais por mês”, afirma o professor lembrando que alguns servidores recebem o salário mínimo.

“Além disso, o PME (Plano Municipal de Educação da VG) determina para 2017 que os investimentos na Educação Municipal devem ser de 30%, no entanto, o que vem sendo investidos não chegam nem 27%, ou seja, apenas 26,7%, portanto, não se justifica o injustificado”, lembra o diretor do Sintep/VG.

De acordo com a vice-presidenta do Sintep/VG,  Leiliane Cristina Borges, os trabalhadores da educação não podem ficar calados diante de tantas injustiças que vem acontecendo e tantos ataques que estão sofrendo.

“O sindicato apresentou aos gestores (prefeita e secretários) e aos vereadores algumas emendas para a LOA/LDO para que sejam inseridas e que tenham a previsão de pagamentos de retroativos e reenquadramento. O próximo passo é cobrar dos vereadores para que insira e aprovem essas emendas na LOA/LDO”, informa a professora.

 

Plano de Carreira

O Secretário Silvio Fidélis já formou uma comissão para fazer a revisão do PCCS sem a participação do Sintep, com a clara  intenção de retirar os funcionários técnicos do PCCS da educação e de ampliar a jornada.

Para a Secretaria Geral do Sintep/VG, Aparecida Cortez, fato é que administração municipal, pouco se incomoda com a  situação de penúria salarial dos funcionários na rede vai se agravando, enquanto a administração se esquiva em atender a categoria e anuncia que em setembro ocorreram novas mobilizações.


SEDE DO SINTEP-VG

Redes Sociais

Sintep VG

SINTEP/VG - Travessa Pedro Pedrossian, n.º 27
Bairro Centro - Aeroporto CEP. 78110-355
Fone 3682.2263
sintepvg@terra.com.br
contato@sintepvg.org

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo