Notícias

20/12/2017 23:22

Escola abandonada é risco sanitário para a população

Lixo, baratas, ratos, entulho, mau cheiro, depredação e desmoronamento  é o resultado de um ano de abandono do prédio escolar, em que pelo menos as telhas, portas e janelas poderiam ser reaproveitadas. Isso, sem falar que muito material poderiam ser doados para a construção de moradias populares.

Esse é o cenário de abandono da  Escola Municipal de Educação Básica – EMEB “Alino Ferreira de Magalhães” do bairro Alto da Boa Vista – região do Parque do Lago - testemunhado pela comunidade do entorno, que desde o início de 2017, sonha com a reforma ou reconstrução da escola. A chegada de um dirigente da subsede  do SintepVG é interpelada pelos moradores que ansiosamente perguntam: a reforma vai começar?

Os moradores vizinhos do prédio abandonado reclamam da falta de segurança e do risco para as crianças. “O local não tem portas nem portões. Durante o dia é o risco das crianças que adentram o espaço da quadra de esporte e das salas, com possibilidade de acidentes com o entulho por todos os lados e risco de desmoronamento das paredes e tetos despencando  e a noite o local acaba sendo usado como moradia para sem-teto e por usuários como ponto de consumo de drogas”, como relatou um morador que também confirmou a retirada de materiais por moradores de rua que frequentam o espaço.

A situação de abandono do prédio escolar já foi pauta de noticiários de TVs, mas nem a Prefeita Lucimar Campos, tampouco seu esposo,  o secretário Jayme Verissimo de Campos  tomaram providencias. O Silêncio também é total por parte da Câmara Municipal.

Enquanto o prédio vai ao chão aos poucos, a prefeitura já fez o orçamento para continuar pagando aluguel por mais um ano das salas anexas da igreja católica do bairro até a construção de um novo prédio escolar.

Segundo o presidente do SintepVG, professor Gilmar Soares, a administração expõe a comunidade a uma situação de risco e alerta para a vigilância sanitária. “É um  caso de interdição do prédio e até de saúde pública devido aos riscos de acidentes”, alerta o professor.


SEDE DO SINTEP-VG

Redes Sociais

Sintep VG

SINTEP/VG - Travessa Pedro Pedrossian, n.º 27
Bairro Centro - Aeroporto CEP. 78110-355
Fone 3682.2263
sintepvg@terra.com.br
contato@sintepvg.org

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo